O CRP SP convida toda a categoria das (os) psicólogas (os) e a sociedade para a votação de amadrinhamento do Repositório Digital do Centro de Documentação (CEDOC-CRP SP).
Inaugurado em 17 de setembro de 2010, o Centro de Documentação do CRP SP (CEDOC) assumiu um papel pioneiro no que se refere à História e Memória da Psicologia. Por meio de sua criação viabilizou-se um trabalho de organização, conservação e difusão de informações contidas nas produções do CRP SP em livros, cartilhas, documentos audiovisuais, cartazes etc.
Favoreceu-se, assim, a criação de novos conteúdos, seja internamente ou externamente (diversos estudos acadêmicos foram realizados, por exemplo).
Atualmente, o CEDOC do CRP SP tem se dedicado a um intenso trabalho que tem o objetivo de disponibilizar as produções do CRP SP em ambiente digital. Assim, efetuou-se a conversão digital de diversas produções (publicações impressas, vídeos e áudios).
Em 2018 será lançada, por meio de software específico, a versão digital do acervo do CEDOC de uma forma que os usuários possam encontrar as informações de um modo simples e organizado. Por meio de poucos cliques, a Psicologia desenvolvida no Estado de São Paulo será conhecida de forma rápida e interativa, em qualquer canto do planeta, o que representa um marco na democratização do acesso às informações da Psicologia paulista.
O Repositório Digital é uma plataforma Online desenvolvida com o objetivo de viabilizar e democratizar o acesso ao acervo do CEDOC, que reúne todo o material produzido pelo CRP SP desde sua fundação. Documentos como jornais, entrevistas e campanhas estarão disponíveis na plataforma, reunindo um pouco da história da psicologia em São Paulo. E para lançar o Repositório digital, convidamos a todos para participarem do amadrinhamento da plataforma, que pretende fazer uma homenagem póstuma a uma importante psicóloga brasileira.
Muitas são as mulheres que contribuíram significativamente para a construção e fortalecimento da Psicologia no Brasil e no Estado de São Paulo, por meio da atuação junto a sociedade e pela produção de conhecimento. Por muitas delas já terem sido homenageadas em diversos espaços, como Instituições e Premiações, propôs-se sugerir alguns nomes, cujo destaque além de justo, é merecido.

São elas (ordem alfabética):


Ecléa Bosi

Fúlvia Rosemberg

Iara Iavelberg

Maria Nilde Mascellani

Virgínia Bicudo.

Para conhecer um pouco mais sobre a trajetória das Psicólogas, clique em seus respectivos nomes.




Votações encerradas.
Os resultados serão divulgados em breve.